Você sabia que a maçã é anti-inflamatória?

By 9 de outubro de 2017maio 4th, 2019Público Geral

Esqueçam os absurdos pseudocientíficos propagados por aí. Maçã não é vilã, não causa sobrecarga hepática, não causa doenças. Pelo contrário, maçã possui compostos bioativos que têm ação anti-inflamatória!

Ela é rica em polifenóis, especialmente a quercetina. Ela possui essa ação devido à interação com os transportadores da família OATP-1 e OATP-3, além do NTCP. Esses transportadores estão diretamente relacionados aos processos inflamatórios. Os compostos presentes na maçã são capazes de modular a ação desses transportadores e, consequentemente, modular a inflamação, reduzindo seus efeitos adversos. Como a inflamação sistêmica é o “mal do século”, controlá-la é uma estratégia muito importante para a saúde.

“Mas Annie, e a frutose?” Frutose pode sim causar danos, mas a não ser que você coma 200 maçãs por dia, não há com o que se preocupar. O problema da frutose é quando ela vem dos alimentos ultraprocessados! Eles sim possuem uma concentração enorme de frutose.

Como diria o ditado em inglês: “An apple a day keeps the doctor away”. Inclua maçã nos seus hábitos alimentares!

REFERÊNCIA
GERHAUSER, C. Cancer chemopreventive potential of apples, apple juice, and apple components. Planta medica, v. 74, n. 13, p. 1608-1624, 2008.