Você conhece a Golden Hour do bebê?

By 12 de outubro de 2017maio 4th, 2019Maternidade, Público Geral

Um post só para falar da Golden hour!
Nada mais emocionante do que poder ficar grudado com o seu bebê que acaba de nascer. Amamentar, sentir o seu cheirinho, curtir mesmo esse momento.
Em português seria a “hora de ouro”, é a primeira hora do bebê no pós-parto. Ela é chamada assim porque é um período importantíssimo para a saúde dele e para o vínculo com a mãe se fortalecer.
Logo após o parto deve haver o clampeamento tardio. Ou seja, o corte do cordão umbilical deve ser feito somente após um aporte maior de sangue ter fluido para o bebê, o que dá aproximadamente 3 minutos a mais depois do parto. Isso garante um aumento nas reservas de ferro para o recém-nascido, prevenindo anemias.
Além disso, o bebê deve ser posto por cima da mãe, com início da amamentação logo ali. A limpeza do bebê e os demais cuidados da equipe médica só devem ser feitos após a primeira mamada e o cessar dessa primeira hora.

Segundo Sharma (2017) a golden hour garante em bebês prematuros:

  • Prevenção de hipotermia e hipoglicemia;
  • Diminuição da incidência de displasia broncopulmonar e de retinopatia;
  • Diminuição da necessidade de se tomar antibióticos;
  • Diminuição de hemorragias.

No geral, garante uma melhor qualidade de vida ao bebê e um menor tempo de internação no hospital.
Por fim, a golden hour é um momento crítico também para a mãe, pois o contato pele-a-pele e a primeira mamada garantem uma descarga de hormônios que geram conexão com o filho. Isso gera benefícios que não há nem como descrever aqui nesse texto.
Gestante, converse com seu médico sobre a possibilidade de fazer a golden hour! Só depende do seu plano de parto (depois podemos falar mais sobre isso aqui).

REFERÊNCIA
SHARMA, D. Golden hour of neonatal life: Need of the hour. Maternal Health, Neonatology and Perinatology, v. 3, n. 1, p. 16, 2017.